/ governosp

Notícias

Oficina e palestra analisam o movimento modernista sob a ótica das publicações da época

As atividades de dezembro do Literatura Brasileira no XXI também estarão focadas nas comemorações dos 100 anos da Semana de Arte Moderna. Os dois eventos realizados na Biblioteca Parque Villa-Lobos trazem um olhar exclusivo sobre os acontecimentos do movimento modernista sob o viés das publicações da época.

 

Na oficina A Semana de Arte Moderna por outros caminhos, a professora de Literatura Brasileira, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Mirhiane Mendes de Abreu pretende rever junto com os participantes os múltiplos suportes que contribuíram com a construção da mitologia em torno da Semana de Arte Moderna e do modernismo. Além disso, vai analisar o lugar de Portugal na imagem da literatura brasileira durante o movimento. Como material de suporte serão utilizados revistas, entrevistas, crônicas, cartas e depoimentos dos artistas da época. A oficina acontece nos dias 7, 8 e 9 de dezembro, das 10h às 13h, e dia 10 de dezembro, das 10h às 11h30. Vagas limitadas. Inscrições abertas.

 

Na palestra Portugal-Brasil e os modernismos em revistas, ministrada pela professora de Literatura Portuguesa, na Universidade Federal de Minas Gerais, Raquel Madanêlo Sousa traz uma reflexão sobre as relações entre Brasil e Portugal nas primeiras décadas do século XX, com foco especialmente no ano de 1922. A análise será baseada em artigos de revistas literárias portuguesas da época, como Orpheu (1915); a terceira série de A Águia (1922-1927) e Seara Nova (1921). A atividade será realizada no dia 10 de dezembro, das 11h30 às 13h. As vagas são limitadas e as inscrições abrem no dia 16 de novembro.